Morte de Eduardo Campos altera grade das TVs

A morte de Eduardo Campos em acidente aéreo hoje em Santos (SP) alterou a grade de programação das emissoras de TV. A Globo cortou o “RJTV” e cancelou o “Globo Esporte”, e adiantou o “Jornal Hoje”, com Sandra Annenberg e Evaristo Costa. O “Vídeo Show” também foi cancelado. Ao longo da tarde, a emissora teve ‘flashs’ sobre a tragédia. As entrevistas com Dilma Rousseff (hoje) e pastor Everaldo (amanhã) foram canceladas. O “Jornal Nacional” vai começar mais cedo, 20h20. A emissora criou a vinheta ‘Tragédia em Santos’.

Na Record, o “Balanço Geral – RJ” deu lugar a um plantão jornalístico com Adriana Araújo e Reinaldo Gottino. A emissora falou na morte do candidato à Presidência primeiro que outros canais abertos. O “Programa da Tarde” abriu espaço para a cobertura, bem como o “Cidade Alerta”.

A Band cortou a programação para dar vez ao plantão com José Luiz Datena por volta de 12h45. O “Tá na Tela” (que começou mais cedo, 15h) e o “Brasil Urgente” também cobriram a tragédia. Foram cancelados “Os Donos da Bola” e “Sabe ou Não Sabe”, por exemplo. A emissora, no Rio, cancelou o “Brasil Urgente Rio” e o “Jornal do Rio”.

No SBT, um plantão foi exibido por volta das 13h. Em seguida, o “SBT Rio”, que já havia sido encerrado, voltou ao ar. No resto do país, segue mais uma reprise de “Um Maluco no Pedaço”, série dos anos 90 – no RJ, o ‘enlatado’ voltou ao ar em torno de 13h30. A emissora escalou Roberto Cabrini para os plantões, mas manteve a grade ‘sucateada’.

A RedeTV!, no RJ, vinha com programação evangélica até 15h, quando entrou o “A Tarde é Sua”.

A Globo News foi uma das primeiras a noticiar o acidente, ainda quando não se sabia que o presidenciável estava no jatinho que caiu numa área residencial da cidade. A Band News estava retransmitindo o sinal da Band. A Record News também informava.

  • 13/08/2014
  • Administração

Veja mais

Deixe seu comentário