Público consegue piorar o já ruim “X Factor BR” da Band

A apresentadora Fernanda Paes Leme e os jurados Paulo Miklos, Di Ferrero, Alinne Rosa e Rick Bonadio.

Anunciado com festa, a versão brasileira do “X Factor”, reality musical apresentado pela Band, decepcionou logo de início ao apresentar um excesso de candidatos ruins e jurados/mentores pouco expressivos.

No programa de ontem, quarta-feira (16/11), o reality apresentado pela carismática Fernanda Paes Leme, exibiu o resultado do Top 6, onde os candidatos foram avaliados pelas suas apresentações no programa de segunda-feira, e o público votou por SMS e Twitter (usando a hashtag #Fica+nome do participante).

Tendo que escolher entre candidatos que não passam do bom/razoável – Heloá e Jenni (do time de Alinne Rosa), Cristopher (do time de Rick Bonadio), o grupo Ravena (do time de Paulo Miklos), Diego e Conrado (do time de Di Ferrero) – parte do público conseguiu estragar o que já estava ruim, despertando insatisfação de outra fatia dos telespectadores do programa e de dois dos mentores, Alinne Rosa e Rick Bonadio.

Com apresentação apática de um clássico do rock, Conrado estragou com o hino “Será”, de Renato Russo e sua Legião Urbana, arrancou críticas justas da cantora e do produtor musical e com certeza fez Renato se revirar na tumba. Ainda com a pior apresentação da noite de segunda-feira, e indigna de um candidato presente em uma reta final de reality musical, Conrado – talvez por seu rostinho bonito – conseguiu se safar da eliminação. O voto popular culminou na eliminação de Diego, companheiro de Conrado no time de Di Ferrero, e Heloá, que disputou com Jenni a última vaga no Top 4, ambos com muito mais talento e “x factor” que Conrado e que as meninas do Ravena, que também fizeram uma apresentação insossa e ruim ao entoarem “Já Sei Namorar” dos Tribalistas. Para a semifinal só resta torcer e votar para que Cristopher e Jenni cheguem à final do reality e o salve de um desastre ainda maior.

Os eliminados Diego e Heloá, com seus mentores Di Ferrero e Alinne Rosa, respectivamente.

No ibope, o “X Factor BR” segue fraco. Na segunda-feira marcou 2.3 e ontem, quarta-feira, marcou 2.4, chegando a perder em alguns minutos para o “Superpop” de Luciana Gimenez e ocupar o quinto lugar. Mesmo com média de 2 pontos, a Band já deu como certa a segunda temporada do programa para 2017.

por Álvaro Maciel

Twitter: @alviinhomcd

  • 17/11/2016
  • Alviinho

Veja mais

Deixe seu comentário